Resenha: a autobiografia “Slash” com Anthony Bozza

Atenção fãs de Guns N’ Roses, Slash e hard rock dos anos 80/90, hoje trago para vocês a resenha da autobiografia do guitarrista de uma das maiores bandas de hard rock dos anos 80.

“Parece exagerado, mas não significa que não aconteceu.”

IMG_2369


“A verdade nua e crua sobre a vida de uns dos maiores ícones do rock and roll dos anos 80”


 

Sinopse: 

Autor: Slash com Anthony Bozza

Ano de lançamento: 2007

Editora: Ediouro

Número de páginas: 446

Do início da carreira à turnê da atual banda Velvet Revolver, conheça o homem e o mito – todas as lendas sobre sexo, drogas e rock and roll são reveladas ao longo de sua viagem desde a infância até o fim de uma das maiores bandas de rock dos anos 80. Os cabelos encaracolados bagunçados. A cartola na cabeça. O cigarro dependurado no canto da boca. Estas são marcas registradas de um dos maiores e mais irreverentes guitarristas do mundo, uma celebridade da música conhecida por um nome – ‘Slash’ – é tudo o que inspira o mito, o homem e a lenda.

IMG_2370

 

História

De uma forma leve e descontraída, Saul Hudson, mais conhecido como Slash conta todo o processo de como chegou a fama.

No mundo do sexo, drogas e muito rock and roll tem muitos obstáculos para se chegar onde quer, para Slash não foi fácil, seus problemas com drogas, a briga com Axl Rose, separação da formação clássica do Guns N’ Roses e o inicio do Velvet Revolver.

Tudo que os fãs querem saber sobre um dos maiores guitarristas de todos os tempos, está escrito nessa edição de 446 páginas, em capa normal e cheia de fotos para complementar as histórias.

Se eu contar mais vou acabar dando spoilers.

Experiência de leitura

Como sou fã de Guns N’ Roses a muitos anos, quando vi essa autobiografia me interessei em querer saber como foi o processo da fundação da banda, a separação, e como fã do Slash sempre tive curiosidades em como aprendeu a tocar e da onde surgiu o apelido.

Tudo isso é contado durante o livro, inclusive várias histórias sobre como clássicos da banda foram compostos, como Sweet Child o Mine, November Rain, Don’t Cry, Nightrain entre outras.

A narrativa é bem fluida e simples, uma leitura bem rápida.

Indicaria?

Se você é fã do Guns, do Slash ou curte ler autobiografias, é uma ótima leitura.

Mas se autobiografias não é seu forte, não te interessa quem é Slash e muito menos Guns N’ Roses, acho que não é uma boa opção.

É uma leitura interessante para quem quer saber mais da vida do guitarrista e quer entrar dentro do universo de uma das maiores bandas de hard rock dos anos 80.

 

Onde comprar?

Eu comprei o meu em 2012/2013, procurei em algumas livrarias e não encontrei mais.

Algum fã por aqui?

Já leram?

Siga o blog nas redes sociais:

FACEBOOK | INSTAGRAM

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s